sexta-feira, 11 de março de 2011

ABDOMINOPLASTIA: QUANDO FAZER?


A abdominoplastia ou dermolipectomia abdominal é uma cirurgia que deve ser indicada quando a paciente tem muita sobra de pele, principalmente no abdomen inferior, ou apresenta o que chamamos de "abdomen em avental".

As alterações no corpo das mulheres podem aparecer após a gestação, com surgimento de estrias e gordura no abdomen inferior e laterais ou quando as pessoas sofrem grandes perdas ponderais.
Nestes casos, mesmo após a perda de peso, sempre fica uma "sobra" de pele e o abdomen fica caído, por isso o mais indicado é a abdominoplastia, podendo ou não ser associada a uma lipoaspiração.

A cirurgia consiste na retirada de pele e gordura localizadas abaixo do umbigo, com descolamento da pele no abdomen superior, plicatura da musculatura e reposicionamento do umbigo.

Em alguns pacientes pode se fazer apenas uma mini-abdominoplastia, mas tudo vai depender de uma avaliação detalhada de cada caso.

A incisão fica localizada na região infra-abdominal e pode se estender para as laterais, dependendo do tamanho do avental.

A cirurgia é feita com anestesia geral, dura cerca de 3 horas e o tempo de internação é de um dia. Algumas vezes há a necessidade de colocação de drenos que ficam por poucos dias.

No pós-operatório a paciente deve usar cintas modeladoras e ficar com o tronco inclinado para não haver tensão na cicatriz e lesão no retalho. Os pontos são retirados em torno de 15 dias.

A época ideal de se fazer a cirurgia é quando não se deseja mais engravidar ou quando já estiver com o seu peso estabilizado.

Esse procedimento pode ser feito também em homens e não deve ser considerado um método de emagrecimento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.